Pesquisa com mais de 300 mil avalia perfil e hábitos adventistas

0
70

Foram ouvidas mais de 300 mil pessoas na América do Sul que falaram sobre hábitos adventistas relacionados à oração, estudo da Bíblia, entre outros temas.

Por Felipe Lemos
23 de maio de 2019

Estudo da Bíblia e oração foram pontos verificados na ampla pesquisa realizada em outubro do ano passado. Foto: Shutterstock

Em outubro do ano passado, uma ampla pesquisa foi realizada na maior parte das congregações adventistas em oito países sul-americanos. Seu objetivo era o de conhecer o perfil das pessoas que frequentam os cultos da denominação, além de identificar os principais hábitos adventistas. No total, foram apuradas respostas de 316.105 pessoas. Deste total,  301.804 foram consideradas válidas – cerca de 15 mil formulários foram descartados por inconsistência.

O responsável pela pesquisa, o doutor Thadeu Silva, diretor de Arquivo, Estatística e Pesquisa da sede sul-americana adventista, apresentou os dados durante a Comissão Diretiva Plenária, concluída nesta terça-feira, 21, em quatro etapas. Ele frisou que se trata de um dos estudos mais abrangentes realizados pela Igreja Adventista ao redor do mundo. As apresentações fizeram recortes relacionados a aspectos de comunhão, relacionamento, missão e apostasia (abandono da fé).

É importante frisar que a denominação possui, em 2019, 2,5 milhões de membros registrados em oito países da América do Sul. Líderes adventistas presentes à reunião comentaram os dados.  A maioria viu que se trata de uma radiografia importante para direcionar a atuação da Igreja Adventista nos próximos anos. O pastor Erton Köhler, líder sul-americano adventista, observou que os resultados são importantes e que refletem a percepção de boa parte dos membros adventistas. Ao mesmo tempo, frisou que a Igreja Adventista do Sétimo Dia deve, em todos os seus níveis e regiões, estudar o material para organizar o trabalho.

Perfil dos pesquisados

De todos os que responderam, 97,6% são adventistas e o restante se divide entre pessoas que declararam  evangélicos, católicos e de outras religiões. Responderam a pesquisa 56,9% de pessoas entre 31 e 59 anos de idade; 27,3% entre 17 e 30 anos de idade; 9,2% com mais de 60 anos e 6,6% entre 14 e 16 anos de idade. 62,6% dos participantes da pesquisa disseram que são casados e 28,5%, solteiros.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here