Home Notícias Adventistas Post no Instagram leva jovem a estudar a Bíblia por Whatsapp

Post no Instagram leva jovem a estudar a Bíblia por Whatsapp

635
0

Uma frase chamou a atenção de uma estudante do Espírito Santo que estava passando por momentos difíceis. Hoje, tudo mudou!

Por Ayanne Karoline
18 de junho de 2020

Júlia dá estudos bíblicos para a amiga da faculdade semanalmente. (Foto: Acervo Pessoal)

“Se precisar desabafar, entre em contato comigo”. Essa foi a frase que chamou a atenção da estudante Joyce Sette, que mora no Espírito Santo, ao navegar pelo Instagram. Passando por problemas na família, Joyce procurou a dona da postagem, a adventista e colega de faculdade Júlia Thomasi Feitosa. As duas ainda não se conheciam, mas passaram a se conhecer quando Júlia iniciou um estudo bíblico com Joyce por Whatsapp.

Mesmo com a rotina de estudos e estágio, Júlia separou um tempo para dar atenção à Joyce. Elas já estudam a Bíblia há dois meses, semanalmente, através de mensagens no aplicativo.  “ Tem sido maravilhoso, não só estou dando estudo bíblico para ela, como também viramos amigas. Fazemos matérias juntas na faculdade e estamos cada vez mais próximas. Compartilhamos situações da nossa família, nossos problemas e oramos uma pela outra”, contou Júlia.

Joyce recebe estudos bíblicos desde abril. (Foto: Acervo Pessoal)

Leia na íntegra o depoimento de Joyce sobre a mudança que os estudos bíblicos com a amiga já fizeram em sua vida:

“A Júlia é uma pessoa que, na vez em que eu estava super pra baixo em relação a minha família por questão de saúde e tal, ela veio para me levantar. Eu não conhecia a Júlia mesmo estando na mesma faculdade que ela, conheci ela esse ano, praticamente, e vi o quanto ela tem um grande coração. Começou assim, eu vi uma publicação dela no Instagram que se alguém precisasse de desabafar ou algo do tipo, poderia entrar em contato com ela, e eu estava bem ruim desde quando começou a pandemia, principalmente pelos meus pais. no caso, o meu pai em particular, ele possui uma doença incurável e desde que começou a pandemia ele ficou desesperado como se fosse morrer mesmo. Desde então, a Júlia começou a me passar estudos bíblicos todos os dias, e eu passei a estudá-los e passá-los para os meus pais, até então, sinceramente no início foi difícil porque meu pai tinha perdido a fé, mas esses estudos me ajudaram a livrar de pensamentos ruins, inclusive mudou o pensamento do meu pai. Até hoje, da mesma forma que ela me ensina, eu ensino eles. As coisas em relação a espiritualidade, melhoraram bastante, hoje o meu pai só pensa em não desistir e ser forte.

Para você ter ideia, eu tirei do celular os estudos que ela me passava e passei pro caderno, eu agi feito professora igual a ela (risos) com meus pais.

A Júlia e esses estudos me trouxeram conforto e paz de espírito, e principalmente esperança. Porque isso era uma coisa que ninguém aqui em casa tinha, principalmente eu, estava desanimada e entrando em depressão. Aí passei a ler os estudos e ensinamentos e vi o quanto o amor de Cristo por nós é superimportante. E que da mesma forma que ele sofreu e não desistiu, não tem porque eu desistir tão fácil assim. Tenho que pelo menos ter essa garra, essa coragem e fé que ele teve. E ultimamente estou sendo assim, mesmo estando em quarentena por 3 meses consecutivos, somente em casa, eu agradeço a ele por todos os dias poder acordar com saúde e o melhor, ver meus pais felizes e ao meu lado.

Sinceramente, o ensinamento que vocês passam para as pessoas que estão na situação que eu estava, tem eficácia. Ajudam muito.

Eu estava sem rumo, hoje tenho cabeça erguida. E toda sexta feira a Júlia me manda um estudo novo, isso me deixa mais tranquila e respirar mais.

Espero que continuem com essa ideia, pois ajuda muita gente.

Parabéns pela bondade que vocês tem no coração 🙏🏻♥️”

Amigas estudam a Bíblia via chamada de vídeo pelo Whatsapp. (Foto: Acervo Pessoal)

Outro exemplo

As amigas Thairine Araújo e Priscila Sarmento se uniram para, assim como Júlia, levar esperança a outras pessoas através dos estudos bíblicos via redes sociais. Por chamada de vídeo, no Whatsapp, elas estudam a Bíblia uma amiga, semanalmente. “Ela já é uma amiga que frequentava nossos encontros de jovens e antes de começar a pandemia manifestou o desejo de ser batizada. Aí nós a orientamos quanto a importância do estudo bíblico e ela aceitou”, contou Priscila.

Porém, logo que começou a pandemia surgiram as dificuldades do estudo presencial. Foi então que veio a ideia de fazer online. “Eu entreguei o estudo impresso a ela e começamos a recapitular os temas via WhatsApp”, explicou Priscila.

Se você também tem interesse em dar estudos bíblicos pelas redes sociais, veja algumas dicas para começar:

https://sdahymnal.net/

Previous articleEcuador forma a misioneros para llevar esperanza – Noticias
Next articlePandemia e excesso de conectividade: quando o digital é usado da maneira correta

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here